Vida de Mamãe Moderna Vida de Mamãe Moderna -
27
jul/2016
Comprando Fora

Olá Mamães,

Nesse mês fui convidada para participar de uma ação super legal para divulgar a nova plataforma Comprando Fora, com o apoio da Visa.

Açao Comprando Fora Visa Carol Martins e Karina Martins #comprandofora #visa #artedeorganizar #consumoconsciente Data:11/07/2016 Foto: Márcia Alves

A Plataforma é maravilhosa que reune dicas e funcionabilidades para nos ajuda a entender como funciona a compra de produtos nos sites internacionais, afinal quem nunca teve problemas com tamanho de roupa, taxa de imposto, cotação do dia e nessa plataforma tem tudo que você precisa de uma forma super fácil.

Para me mostrar melhor a plataforma que tem toda uma pegada voltada ao consumo sustentável, recebi a ajuda e consultoria da personal organizer, Carol Martins que me ajudou na organização da gaveta da Sophia. Olha o antes e depois das 3 gavetas da Sophia, nunca pensei que poderia otimizar tanto o espaço que tenho, ficou tudo perfeito!

Recebi muitas dicas da Carol que amei, mas o legal mesmo foi saber que posso organizar minha casa e escolher os produtos fora do país e até mais barato, não é legal? Para isso, a Carol entrou no site Comprando Fora e me mostrou por onde começar as compras.

Amei saber que mesmo utilizando um cartão, a compra que executo pega o valor do dólar naquele dia, então, não preciso ficar preocupada com o valor do fechamento da fatura. O site mostra passo a passo tudo que precisamos para fazer compras internacionais e o melhor, mostra os sites confiáveis e o rastreio do meu pedido, assim não terei dores de cabeça.

Foi uma visita super especial, amei conhecer a Carol e principalmente todas as dicas da Arte de Organizar, e não é que não achei tão difícil assim. Estou louca para realizar minhas primeiras compras no site Comprando Fora e o foco será o quarto da Sophia, afinal, ainda não terminei a nova decoração e arrumação.

E aí, gostaram da novidade? Será muito útil daqui pra frente para as mamães que amam comprar fora do país, porém sem sair de casa.

Beijinhos,
Kah

 

 

Be the first to like.


25
jul/2016
Novo Sabor AdeS Achocolatado

Ades ChocoMax

Sempre falei por aqui que as bebidas à base de soja entraram e ficaram em nosso cardápio. Tomamos sempre as opções que tem sucos junto, que são os nossos preferidos – quem não ama um suco de maçã com soja? Aqui ele faz o maior sucesso, e agora também entrou para o nosso cardápio o novo AdeS ChocoMax, que, além de saboroso, com seu sabor chocolate, é superprático na correria do nosso dia a dia.

Sempre me preocupei com a qualidade nutricional dos alimentos que compro, pois sabemos o quanto é importante uma alimentação equilibrada para o desenvolvimento dos nossos filhos. O Cálcio, por exemplo, é um mineral que deve ser ofertado em quantidades satisfatórias na fase escolar, devido ao seu papel para a formação adequada de massa óssea e prevenção da osteoporose na vida adulta.

E vocês sabiam que podemos encontrar o cálcio em diferentes alimentos – e não apenas no leite? As bebidas de soja são alguns deles. Algumas versões, além de ter a proteína da soja, que é de alta qualidade, também tem adição de cálcio, na mesma quantidade presente no leite!

É por isso que o AdeS ChocoMax entrou para o nosso cardápio, pois ele contém 250 mg de cálcio/porção – ou seja, se compararmos com a média dos achocolatados prontos no mercado, ele tem 79% mais cálcio! Em relação à quantidade de proteína, acontece o mesmo: AdeS ChocoMax apresenta teores superiores: 65% mais proteínas que a média de mercado de achocolatados.

O ChocoMax contém 8 vitaminas e zinco, além de ser naturalmente sem lactose e sem colesterol, como todo alimento com soja - podendo, assim, ser também consumido por indivíduos com intolerância à lactose ou alergia à proteína do leite de vaca.

Além disso, o AdeS Chocomax tem 55% menos açúcares e 30% menos calorias – comparado à média de mercado de bebidas achocolatadas! Em relação à quantidade de micronutrientes, possui vitaminas, além do cálcio e zinco, nutrientes importantes para o crescimento e o desenvolvimento adequados das crianças.

Como já comentei, sempre olho as informações nutricionais dos produtos,. O que me chamou a atenção foi que o novo sabor de AdeS também se diferencia dos concorrentes achocolatados por possuir 12% do valor diário recomendado de fibras (para uma dieta de 2000 calorias), o que representa cerca de 8 vezes mais fibras do que a média de mercado de achocolatados.

Então, nesse período de férias que se iniciou este mês, programamos vários passeios com as crianças, que incluem o zoológico, parques e até uma visita ao aquário. Para isso, para acompanhar uma fruta e biscoito caseiro, ter disponível um produto fácil de carregar, que facilita a nossa vida e além de tudo é nutritivo e prático, é tudo de bom, não acham?

Não deixem de me contar o que acharam do novo AdeS ChocoMax.

Beijinhos,
Kah

 

selo-publipost Hubme

Be the first to like.


22
jul/2016
Atenção: Surto de Caxumba aumenta em São Paulo

Olá Mamães,

Sabiam que de acordo com dados do Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), um Surto de Caxumba teve um aumento de 568% em São Paulo? A imunização incompleta de parte da população, que não tomou as duas doses da vacina, e o fato de o vírus estar mais atuante estão entre as razões apresentadas por infectologistas para o aumento dos surtos.

Surto de caxumba

  • Mas vocês sabem o que é a Caxumba e quais os sintomas?

A caxumba é uma doença provocada por um vírus da família paramyxovirus caracterizada principalmente pelo inchaço das glândulas que produzem saliva que ficam nas laterais do pescoço, abaixo da mandíbula.

Os sintomas mais característicos são inchaço e dor nas laterais do pescoço, logo abaixo do maxilar. Isso porque o vírus da caxumba provoca inflamação nas glândulas responsáveis pela produção de saliva, que ficam na região. Essas glândulas são as parótidas, as submandibulares e as sublinguais.

  • Período de Incubação

De 12 a 25 dias, sendo, em média, 16 a 18 dias.

  • Período de Transmissibilidade

Varia entre 6 e 7 dias antes das manifestações clínicas, até 9 dias após o surgimento dos sintomas. O vírus pode ser encontrado na urina até 14 dias após o início da doença.

  • Como ocorre a transmissão?

A transmissão da caxumba ocorre pelo ar, pelo contato com secreções respiratórias de pessoas infectadas.

  • Tem tratamento?

A caxumba não tem um remédio específico. O tratamento consiste em aliviar os sintomas de dor e mal-estar e fazer repouso para que o próprio organismo combata o vírus.

  • Como prevenir?

A prevenção contra a caxumba é simples: tomar a vacina tríplice viral, que protege contra caxumba, sarampo e rubéola. A vacina deve ser tomada a partir de um ano de idade em duas doses, com intervalo de um mês entre elas. No SUS, a tríplice viral está disponível gratuitamente para pessoas de até 49 anos de idade. Para crianças e adolescentes de até 19 anos, estão disponíveis as duas doses. Para pessoas entre 20 e 49 anos, o sistema público de saúde oferece apenas uma dose. A Sociedade Brasileira de Imunizações (Sbim), no entanto, recomenda duas doses para pessoas de todas as idades. Quem já tomou as duas doses da vacina não precisa se imunizar de novo ao longo da vida. Quem teve a doença uma vez também está protegido.

  • Vacinação contra a Caxumba (Calendário Vacinal)

A vacina tríplice viral (contra sarampo, caxumba e rubéola) é dada de rotina nas crianças de 12 meses de idade em todos os postos de saúde.

As pessoas entre 1 a 19 anos devem ter duas doses da vacina tríplice viral, com intervalo mínimo de 30 dias entre elas.

Para as crianças nascidas a partir de 1 de junho de 2012, a segunda dose deverá ser aplicada a vacina Tetraviral, desde que já tenha recebido uma dose de tríplice viral, com intervalo mínimo de 30 dias.

Os adultos nascidos a partir de 1960, não vacinados ou sem comprovação de dose recebida anteriormente, devem tomar uma dose da vacina tríplice viral.

  • Onde tomar a vacina?

Em clínicas particulares ou no Sistema Único de Saúde (SUS), a tríplice viral está disponível gratuitamente para pessoas de até 49 anos de idade. Para crianças e adolescentes de até 19 anos, estão disponíveis as duas doses, enquanto que para adultos entre 20 e 49 anos, o sistema público de saúde oferece apenas uma dose.

Portanto, vamos ficar atentas ao calendário de vacinação. Com saúde não se brinca, principalmente um surto de caxumba.

Beijos,
Kah

 

Be the first to like.


20
jul/2016
As mães também precisam de ajuda.

mae cansada

Não sei quem criou o rótulo “mãe perfeita”. Sempre escutei que mãe que é mãe, dá conta de tudo, trabalha, limpa a casa, cuida do marido, cuida dos pets, cuida da família.. ahhhhhhhh já parou pra pensar o quanto a palavra mãe é falado? Mas para, as mães também precisam de ajuda, sabia?

Eu me cobrava muito quando a Sophia nasceu e sinceramente, me cobro até hoje, mas melhorei, sim melhorei e muito a minha forma de pensar e aprendi que cada mãe é de um jeito e sinceramente, descobri que não era totalmente feliz quando ficava somente em casa.

Eu também larguei meu emprego quando a Sophia nasceu, como muitas mães fazem hoje em dia. Sim eu desisti da maternidade exclusiva quando a Sophia fez 1 ano e não, não abri mão de ajuda em casa. Porque sim, as mães também precisam de ajuda e descobri com a maturidade que nem toda mãe é feliz igualmente.

Precisamos entender que julgar não é o melhor caminho, cada mãe é de um jeito e não existe mãe perfeita. A profissão mãe é cansativa, demanda tempo, paciência e muita organização de tempo. Devemos saber a hora certa de pedir ajuda e é nisso que pecamos, não sabemos pedir.

Lembro que quando a Sophia tinha 1 mês, eu estava exausta com as mamadas noturnas, lembro que em uma das noites pedi ao meu marido depois de muito relutar se ele podia dar a mamadeira para a Sophia e ele disse sim, pensei: porque não pedi antes? sabe o porque? porque achamos que tudo é responsabilidade da mãe e não, não é.

Toda profissão tem que ter seu tempo de folga e isso aprendi também com o tempo, eu precisava de um tempo só pra mim. Egoísta? no começo achava que sim, mas não. Não é justo com a mãe ficar trancada em casa e não ter um tempo só para si. Porque quando estamos cansadas, não somos as melhores mãe, isso sim que eu aprendi.

Aprendi também que quando estou feliz, descansada e realizada, minha vida e minha paciência é muito melhor com a milha filha, então volta a dizer, as mães também precisam de ajuda. Temos que pedir ajuda ao pai, a vovó, ao vovô, mas devemos aprender a pedir, a saber os nossos limites.

Não estou aqui para ensinar a ser uma mãe perfeita, porque isso minha amiga, não existe, mas posso te mostrar o caminho da felicidade, e uma coisa te falo, você não precisa fazer tudo sozinha, divida, compartilha com seu parceiro. Você será muito mais feliz. Estamos juntas nessa!

Beijos,
Kah

10 people like this post.